Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

França é favorável a outro grupo de contato sobre Síria, mas sem o Irã

Paris, 8 jun (EFE).- A França manifestou-se nesta sexta-feira a favor da iniciativa de Kofi Annan para constituir um novo grupo de contato para a Síria, mas excluindo o Irã, conhecido aliado do regime do presidente Bashar al Assad.

O porta-voz do Ministério de Relações Exteriores da França, Bernard Valero, afirmou em entrevista coletiva que seu país apoia ‘qualquer iniciativa suscetível para favorecer a aplicação efetiva do plano Annan’.

Com isso, Valero fez menção à ideia de Annan (mediador da ONU para o conflito sírio) de criar um grupo de contato do qual participem os membros permanentes do Conselho de Segurança – China, Estados Unidos, França, Reino Unido e Rússia -, mas também vizinhos da Síria com influência na região, como Turquia, Arábia Saudita e Catar.

Porém, quanto ao Irã, cuja participação no grupo é da vontade de Annan, Valero disse que a postura de Paris continua sendo a manifestada por seu chanceler, Laurent Fabius, que havia descartado que o país islâmico fosse associado a uma conferência sobre a Síria.

O Ministério das Relações Exteriores francês indicou ontem que no dia 6 de julho será realizada em Paris a terceira reunião ministerial dos países que fazem parte do grupo chamado Amigos do Povo Sírio, da qual participará a oposição ao regime de Bashar al Assad. Rússia e China, que não participaram das duas edições anteriores do encontro, foram convidadas para a próxima, em 6 de julho. EFE