Clique e assine a partir de 8,90/mês

França desmantela rede que enviava jihadistas à Síria

Operação policial prendeu mais de 10 pessoas. Governo estima que 400 cidadãos franceses estejam lutando ao lado de jihadistas na Síria e no Iraque

Por Da Redação - 15 dez 2014, 06h33

A polícia francesa prendeu “mais de dez pessoas” que integravam uma rede que enviava militantes jihadistas à Síria em várias operações em Toulouse, no sul do país, na Normandia, no oeste, e na região de Paris. A polícia antiterrorista e a Raid, uma unidade de elite das forças de segurança, informaram à imprensa francesa que tinham entre dez e 15 alvos na operação. As autoridades não revelaram as identidades das pessoas detidas e informaram que os presos irão passar por interrogatórios.

De acordo com as primeiras informações, a rede já teria enviado várias pessoas à Síria, sobretudo jovens franceses de famílias muçulmanas. A França registrou o aumento nos últimos meses do número de pessoas dispostas a viajar para Síria e Iraque com o objetivo de lutar ao lado dos jihadistas. O governo está preocupado com a possibilidade de que estas pessoas cometam atentados em território francês após seu retorno.

Leia também

Refém francês é libertado no Mali após três anos em cativeiro

(Com agência France-Presse)

Continua após a publicidade
Publicidade