Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

França alerta contra ‘qualquer intervenção militar’ na Síria

O ministro francês das Relações Exteriores, Alain Juppé, alertou nesta segunda-feira em Bordeaux (sudoeste) contra “qualquer intervenção de caráter militar” na Síria, após a proposta da Liga Árabe de enviar uma força de paz conjunta ONU-Árabes para o país.

Questionado pela imprensa sobre a possibilidade de a França enviar Capacetes Azuis à Síria, Juppé respondeu: “Hoje, nós achamos que qualquer intervenção externa, de caráter militar, só irá agravar a situação, enquanto não houver uma decisão do Conselho de Segurança, que é a única instância autorizada a realizar uma intervenção militar”.

A Liga Árabe anunciou no domingo que pediria “ao Conselho de Segurança (da ONU) a adoção de uma resolução para a formação de uma força de paz árabe-ONU conjunta para supervisionar a aplicação do cessar-fogo”.

O chefe da diplomacia francesa assegurou que a França apoiará a iniciativa da Liga Árabe de “recorrer à Assembleia Geral para obter uma condenação nas Nações Unidas”. “Nós apoiaremos esta iniciativa, nós estamos trabalhando nisso em Nova York”, declarou.

Juppé também confirmou o apoio de seu país em relação à decisão da Liga “de reunir (…) um grupo de amigos da Síria (…) para pressionar o regime que, decididamente, precisa sair depois dos massacres em Homs e em outras cidades da Síria”.

A França “participará plenamente” desta reunião que acontecerá na Tunísia no dia 24 de fevereiro, assegurou.