Clique e Assine a partir de R$ 7,90/mês

Fernando Lugo está curado de câncer linfático, diz hospital

Exames no Sírio-Libanês confirmaram remissão da doença após quimioterapia. Agora, presidente paraguaio fará tratamento preventivo

Por Da Redação 29 jul 2011, 20h32

O câncer linfático que acometeu o presidente do Paraguai, Fernando Lugo, não voltou a se manifestar. De acordo com um boletim médico expedido nesta sexta-feira, às 18h30, pelo Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, onde Lugo está internado desde quinta-feira, “foram realizados novos estudos para avaliação de seu quadro clínico que confirmaram a remissão completa de sua doença”.

O próximo passo para o presidente paraguaio, que também apresenta problemas cardíacos, será um tratamento de manutenção para evitar a volta da doença. Ele tem alta prevista para a manhã de sábado. Devido ao tratamento, a viagem para acompanhar a posse do presidente do Peru, Ollanta Humala, na quinta-feira, teve que ser cancelada.

Fernando Lugo tem 60 anos e, desde agosto de 2010, passava por sessões de quimioterapia para combater um linfoma, câncer que afeta os gânglios – no seu caso, na virilha. As equipes médicas que cuidam do presidente são coordenadas por médicos brasileiros e paraguaios.

Publicidade