Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Favorita na sucessão municipal de Nova York se casa com a namorada

Nova York, 19 mai (EFE).- A presidente do Conselho Municipal de Nova York, Christine Quinn, vai se casar neste sábado com a advogada Kim Catullo, em cerimônia que tem como convidados o prefeito da cidade, Michael Bloomberg, e o governador do estado, Andrew Cuomo.

Quinn e Catullo, ambas de 45 anos, estão juntas há mais de uma década. A celebração acontece após a aprovação do casamento entre pessoas do mesmo sexo, no ano passado.

A oficialização do matrimônio será realizada em Manhattan, presidida pela juíza estadual Judith Kaye, diante de 300 pessoas.

Quinn foi uma das mais ferrenhas ativistas da campanha que resultou na aprovação do casamento entre pessoas do mesmo sexo em Nova York. O nome da presidente do Conselho Municipal tem ganhado força na corrida pela sucessão municipal no próximo ano.

A democrata aparece na frente do republicano Raymond Kelly, chefe do Departamento de Polícia local, em pesquisa realizada pela universidade de Quinnipiac.

Na semana passada, o presidente Barack Obama, pela primeira vez se manifestou publicamente a favor do casamento homossexual, depois de rejeitar a ideia em 2008, quando era candidato. Dois anos depois, ele afirmou que sua postura estava ‘evoluindo’.

Além de Nova York, nos Estados Unidos o casamento homossexual também é legal em Connecticut, Iowa, Maryland, Massachusetts, New Hampshire, Vermont e Washington, assim como no Distrito de Columbia. Outros cinco estados, Delaware, Havaí, Illinois, Nova Jersey e Rhode Island, permitem as uniões civis. EFE