Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Farc confirmam que chefe guerrilheiro está em Havana para negociações

Abertura de comandante ao diálogo expressa "a determinação" do grupo insurgente em "avançar rumo à assinatura do acordo final que sentará as bases da Colômbia do futuro", disse comunicado da guerrilha

Por Da Redação 28 dez 2014, 20h49

O chefe guerrilheiro da das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc) Joaquín Gómez, apelido de Jesús Toncel Redondo, está em Havana para iniciar as negociações de paz com o governo colombiano, afirmou neste domingo delegação formada por membros do grupo rebelde.

Leia também:

Farc dizem estar dispostas a retirar menores de suas fileiras

Farc e governo chegam a acordo sobre tráfico de drogas

Presidente colombiano vê Farc ‘trocando armas por votos’

Texto divulgado pelas Farc também explicou que a abertura do comandante Joaquín em Cuba ao diálogo é “um novo gesto de paz” que expressa “a determinação” do grupo insurgente em “avançar rumo à assinatura do acordo final que sentará as bases da Colômbia do futuro”.

Por sua vez, o Governo da Colômbia tinha anunciado neste domingo em Bogotá que a ida de Gómez para Cuba “aconteceu seguindo todos os protocolos estabelecidos e com autorização expressa do presidente da República, Juan Manuel Santos”.

Parte das negociações sobre o fim dos conflitos é liderada pelo general Javier Flórez, por parte do governo colombiano, e Henry Castellanos Garzón, conhecido como ‘Romaña’, pela guerrilha.

(Com agência EFE)

Continua após a publicidade
Publicidade