Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Família de miss Iraque foge após ‘selfie da paz’ com miss Israel

Sarah Idan recebeu ameaças de morte e correu o risco de perder o título por causa da foto; os dois países não mantêm relações diplomáticas

“Paz e amor da miss Iraque e da miss Israel” diz a legenda da selfie que rendeu ameaças de morte a Sarah Idan e sua família e resultou na fuga de seus parentes do Iraque. Idan postou a foto no Instagram no dia 13 de novembro quando representava o país em um evento ligado ao concurso Miss Universo. Foi a primeira vez em 45 anos que o Iraque enviou uma candidata.

À CNN, a miss Iraque disse que propôs à miss Israel, Adar Gandelsman, que tirassem uma foto “para que as pessoas pudessem ver que não temos problemas uma com a outra e que na verdade somos embaixadoras da paz”. A reação não foi a que ela esperava.

“Quando postei a foto, não imaginei por um segundo que teria uma repercussão negativa”, disse à emissora. “As ameaças que recebi pela internet foram assustadoras”. Segundo Idan, o diretor do concurso Miss Iraque lhe disse que estava sendo pressionado pelo governo e que ela deveria remover a foto  caso contrário, perderia o título.

Israel e Iraque não mantêm relações diplomáticas.

Ela também recebeu ameaças de morte. Assustada, ligou para sua família e pediu deixassem o país. “As pessoas reconheceram minha família, todos imediatamente sabiam quem eles eram. E estávamos recebendo ameaças de morte”, disse.

Apesar das ameaças e do risco de perder seu título, Idan se recusou a remover a foto. Um dia após postar a selfie, ela publicou um texto em que disse não apoiar o governo de Israel nem sua política para o Oriente Médio. Ela também pediu desculpas a “todos aqueles que acharam que era um ataque à causa palestina”.
Idan, que disse não se arrepender de ter publicado a foto,  evitou dar entrevistas sobre o episódio até que sua família tivesse deixado o Iraque com segurança. A miss tem cidadanias iraquiana e americana e reside em Los Angeles.
Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. Ramiro Carvalho

    O governo do Iraque impõe o ódio a Israel aos cidadãos iraquianos? A boa convivência é imoral?

    Curtir

  2. Interessante que 99,9% das pessoas que apoiam os filisteus quererem as terras que são citadas na Bíblia há mais de 3500 anos ( o Alcorão não faz nenhuma menção), nunca tiveram o trabalho de ler a constituição dos filisteus…..esse nome te lembra algo?………

    Curtir

  3. Pedro Thompson

    Agora eu pergunto: a família da Miss Israel teve que deixar o país por ameças de morte? Não né…? Claro que não…

    Curtir