Assine VEJA por R$2,00/semana
Continua após publicidade

‘Falei a verdade’: A nova provocação de Bolsonaro ao chileno Boric

Presidente brasileiro insiste que 'falou a verdade' sobre seu par chileno, após chancelaria convocar embaixador em protesto às acusações contra Boric

Por Da Redação
31 ago 2022, 10h07

O presidente Jair Bolsonaro (PL) voltou a atacar o seu par chileno, Gabriel Boric. Na terça-feira 30, disse que falou “a verdade” sobre o presidente do Chile, referindo-se às suas declarações durante o debate no último domingo, quando Bolsonaro alegou que o líder chileno “queimou o metrô” durante protestos antes de assumir a presidência do país.

Na segunda-feira, a chancelaria do Chile convocou o embaixador brasileiro em protesto contra as acusações, chamando-as de “inaceitáveis” e “falsas”, movimento criticado por Bolsonaro.

“O presidente do Chile agora acabou de chamar seu embaixador. É a maneira que ele tem de demonstrar insatisfação comigo. Se exagerei ou não, não deixei de falar a verdade”, declarou durante uma sabatina organizada pela União Nacional de Entidades do Comércio e Serviços (Unecs).

“A Constituinte do Chile vai na contramão do que qualquer país democrático quer. Isso é problema deles? É problema deles. O cidadão lá teve apoio do cara [o ex-presidente Lula] aqui no Brasil”, acrescentou.

Continua após a publicidade

No mesmo evento, Bolsonaro criticou outros países da América Latina governados pela esquerda, como fez durante o debate de domingo. Sobre a Nicarágua, afirmou que “freiras, muitas idosas, [estão sendo] expulsas do seu país. Padres sendo presos, fechamento de rádio católica. Você acha que isso é problema deles? Se o cara [Lula] voltar, muita gente escondida vai voltar para cá”.

Em sua fala final no debate, Bolsonaro criticou lideranças de esquerda na América Latina e acusou Boric de atear fogo em metrôs durante os protestos de outubro de 2019, que pediam uma maior igualdade social.

“Lula apoiou o presidente do Chile também; o mesmo que praticava atos de tocar fogo em metrôs, e olha para onde está indo o nosso Chile”, alegou.

Continua após a publicidade

+ Chanceler da Argentina se refere a Eduardo Bolsonaro como ‘ignorante’

A ministra das Relações Exteriores do Chile, Antonia Urrejola, convocou o embaixador brasileiro no Chile para conversar sobre as acusações “falsas” e “gravíssimas”.

“Em nome do governo do Chile, quero fazer uma declaração sobre as afirmações que o presidente Jair Bolsonaro do Brasil fez ontem em um debate eleitoral em que acusou diretamente o presidente Gabriel Boric de ter posto fogo no metrô. Como governo, nos parece que essas declarações são gravíssimas, obviamente são absolutamente falsas. Lamentamos que tirem proveito do contexto eleitoral para polarizarem as relações bilaterais através da desinformação e das notícias falsas”, declarou Urrejola.

Continua após a publicidade

A ministra disse que o governo chileno está “absolutamente convencido de que esta não é a maneira correta de fazer política quanto se trata de dois chefes de Estado democraticamente eleitos”, segundo reportou o jornal chileno La Tercera.

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

O Brasil está mudando. O tempo todo.

Acompanhe por VEJA.

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou

Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.