Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Fã que ganhou concurso da série ‘Breaking Bad’ é preso por vender drogas

Ryan Lee Carroll assistiu ao último episódio da série junto com o elenco. Ele é acusado de participar de uma milionária rede de distribuição de drogas

O vencedor de um concurso organizado por Aaron Paul, uma das estrelas da série Breaking Bad, foi preso sob a suspeita de participar de um esquema de distribuição de drogas. Ryan Lee Carroll, proveniente da Flórida, foi acusado de vender maconha sintética e enviar a droga pelo correio. Segundo o jornal The Guardian, Carroll, de 28 anos, ganhou como prêmio o direito de assistir ao último episódio da aclamada série junto com o elenco. A trama de Breaking Bad gira em torno de Walter White, um professor de química que passa a vender metanfetamina depois de ser diagnosticado com um câncer terminal.

Leia também:

Atriz de ‘Walking Dead’ é indiciada por enviar cartas com ricina a Obama

A polícia comunicou que outros dois homens estavam envolvidos na operação. Carroll foi preso na véspera do ano novo após as autoridades investigarem a movimentação de 1 milhão de dólares através do comércio de maconha sintética (plantas misturadas com agentes químicos que imitam o efeito da maconha natural). Os suspeitos utilizavam um misturador de cimento para produzir a substância ilegal.

Os investigadores também apreenderam uma roupa Hazmat, utilizada para a proteção contra agentes químicos, assinada pelos atores de Breaking Bad. Na ocasião, Carroll demonstrou à rede Naples News a sua admiração por Walter White, interpretado pelo ator Bryan Cranston. “Se você começa assistir, você não consegue parar. É extremamente viciante, porque as pessoas podem se relacionar com o personagem principal”, disse.

Leia mais:

Começa venda de maconha para uso recreativo nos EUA