Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Exército paquistanês mata chefe de operações exteriores da Al Qaeda

Adnan El Shukrijumah foi morto em uma operação militar na região paquistanesa de Shinwarsak

O exército do Paquistão informou ter matado neste sábado o chefe de operações exteriores da Al Qaeda, Adnan El Shukrijumah. Um alto dirigente da organização terrorista, Shukrijumah esteve envolvido na tentativa de atentado ao metrô de Nova York em 2009, qualificado pelas autoridades americanas como um dos planos mais sérios que a cidade sofreu desde os ataques de 11 de setembro de 2001.

Shukrijumah foi morto em uma operação militar na região de Shinwarsak, na província do Waziristão do Sul, no noroeste do Paquistão, para onde tinha fugido para escapar da ofensiva do exército contra a Al Qaeda no Waziristão do Norte, segundo um comunicado das Forças Armadas.

Leia também:

Número 2 da Al-Qaeda promete continuar com o terror

Número de mortos pelo terror sobe mais de 60%

‘Um cúmplice e seu contato local também morreram na operação’, informou o exército. Durante o choque, outros cinco insurgentes foram capturados, um soldado morreu e outro ficou ferido.

O perfil de Shukrijumah no FBI informa que tem 39 anos e é natural da Arábia Saudita. Na página, a polícia federal americana oferece 5 milhões de dólares para quem der informações sobre seu paradeiro.

O líder da Al Qaeda fugia da ofensiva militar Zarb-e Azb (Afiado e cortante) iniciada em junho no Waziristão do Norte e que matou até agora, segundo o exército, 1.100 insurgentes e 100 membros das Forças Armadas.

(Com agência EFE)