Clique e assine a partir de 9,90/mês

Exército dos EUA identificou marines que urinaram em cadáveres

Por Da Redação - 13 jan 2012, 14h26

O Exército dos Estados Unidos identificou os quatro marines que aparecem em um vídeo na internet urinando sobre os cadáveres de milicianos afegãos e já interrogou dois deles, informou nesta sexta-feira um oficial militar americano.

Dois dos envolvidos foram interrogados pelo Serviço de Investigação Criminal Naval, mas não estão detidos, disse a fonte à AFP, que pediu anonimato para não interferir na investigação judicial em curso e não especificou o local em que este procedimento ocorreu.

O oficial confirmou que os quatro soldados que são vistos na gravação pertencem a uma unidade de franco-atiradores do Terceiro Batalhão do Segundo Regimento dos Marines, com base em Camp Lejeune, no estado da Carolina do Norte (leste dos Estados Unidos).

Os dois militares interrogados continuam na ativa. A demora para encontrar os outros dois, aparentemente, aconteceu porque eles tinham sido transferidos do Camp Lejeune, acrescentou.

A unidade foi destacada no norte da província de Helmand (no sudoeste do Afeganistão) entre março e setembro de 2011, período em que, “sem dúvida”, foram filmadas as imagens, explicou o informante.

O vídeo amador mostra os quatro soldados, conscientes de estarem sendo filmados, urinando sobre os corpos de três supostos insurgentes afegãos ensanguentados.

Os quatro envolvidos podem ser submetidos à corte marcial por terem violado o código de justiça militar americano, assim como a Convenção de Genebra, que estabelece que os corpos dos inimigos mortos devem ser tratados com respeito.

Os investigadores tentarão identificar e interrogar também outras pessoas que podem estar envolvidas no incidente, inclusive a que gravou a cena, que provavelmente é um colega dos já identificados, segundo outro oficial do Exército americano.

Continua após a publicidade
Publicidade