Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Ex-presidente tcheco Vaclac Havel morre aos 75 anos

Praga, 18 dez (EFE).- O ex-presidente tcheco Vaclav Havel morreu neste domingo aos 75 anos, anunciou a imprensa de Praga.

Defensor dos direitos humanos e opositor do regime comunista tcheco, o ex-dirigente sofria há anos de complicações por uma doença pulmonar.

O estado de saúde do político e dramaturgo piorou nos últimos meses. Desde março suas atividades públicas haviam sido reduzidas para recuperar-se em sua casa de campo.

Seu delicado estado de saúde o impediu neste ano de assistir, como era de costume, ao festival de cinema de Karlovy Vary, realizado em julho.

Segundo a porta-voz do político, Sabina Tancevova, Havel morreu nesta manhã de domingo enquanto dormia.

O opositor do comunismo, que levantou a bandeira da ‘Revolução de Veludo’ em 1989, comemorou 75 anos no início de outubro.

Ele foi chefe de Estado da República Tchecoslováquia e da República Tcheca, após a cisão da Eslováquia, entre 1989 e 2003, salvo uma interrupção de vários meses entre 1992 e 1993.

Em 1996, Havel, que era fumante, foi operado de um tumor maligno no pulmão. EFE