Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

EUA reiteram ‘compromisso com estabilidade’ na península da Coreia

Washington, 19 dez (EFE).- Os Estados Unidos ‘seguem comprometidos com a estabilidade na península da Coreia e com a liberdade e segurança de seus aliados’, afirmou nesta segunda-feira o porta-voz da Casa Branca, Jay Carney.

Em comunicado, ele indicou que o presidente Barack Obama foi informado sobre a morte do líder da Coreia do Norte, Kim Jong-il, e que o governo americano observa atentamente a situação na região. A secretária de Estado, Hillary Clinton, também acompanha a repercussão do assunto.

A Casa Branca indicou que mantém contato com Coreia do Sul e Japão, e que o presidente Obama conversou com o presidente sul-coreano, Lee Myung-Bak, logo após o anúncio da morte do líder.

O governo americano vem analisando esforços de aproximação com o governo da Coreia do Norte, o que incluiria a retomada da ajuda alimentícia para o país asiático.

O regime comunista norte-coreano anunciou nesta segunda-feira a morte do líder que governou o país com mão de ferro durante os últimos 17 anos e proclamou Kim Jong-un, filho mais novo do falecido líder, como sucessor do pai em Pyongyang.

Kim Jong-il, de 69 anos, estava com a saúde muito debilitada após sofrer um AVC em 2008. Ele morreu de infarto no sábado, quando viajava em seu trem privado, segundo informou a emissora de televisão estatal norte-coreana, ‘KCTV’. EFE