Clique e Assine a partir de R$ 7,90/mês

EUA: Irã vive isolamento sem precendentes

Por Atta Kenare 19 nov 2011, 10h26

O Irã vive um isolamento sem precedentes depois da aprovação de uma resolução da ONU que exige a cooperação do país na investigação sobre a suposta conspiração iraniana para assassinar um embaixador saudita, afirmou Tom Donilon, conselheiro do governo americano para Segurança Nacional.

“Estão completamente isolados”, declarou Donilon.

“Acredito que o isolamento que o Irã sofre atualmente não tem realmente precedentes”, completou o conselheiro.

A Assembleia Geral das Nações Unidas adotou por ampla maioria na sexta-feira uma resolução que exige a cooperação do Irã na investigação da suposta conspiração iraniana para matar o embaixador saudita em Washington.

A resolução critica a conspiração e estimula todos os Estados a adotar medidas adicionais para prevenir em seu território o planejamento, financiamento e organização de atos terroristas similares.

Teerã nega qualquer envolvimento em um complô para assassinar o embaixador da Arábia Saudita em Washington.

Continua após a publicidade

Publicidade