Clique e Assine a partir de R$ 7,90/mês

EUA exibem uniforme usado no ataque a Bin Laden

A peça está em exposição no Museu Memorial 11 de Setembro, em Nova York

Por Da Redação Atualizado em 30 jul 2020, 21h50 - Publicado em 8 set 2014, 10h40

A camiseta usada por um integrante do Navy SEAL, o grupo de elite da marinha americana, durante a operação em que o terrorista Osama bin Laden foi morto no Paquistão, em 2011, foi colocada em exibição em Nova York. A camiseta faz parte de uma exposição do Museu Memorial 11 de Setembro que visa a retratar a década de luta para encontrar o cérebro da Al Qaeda.

A peça do uniforme foi utilizada por um membro não identificado dos SEAL e tem tons em cor de terra, um emblema com a bandeira dos Estados Unidos na manga e pinturas de camuflagem própria para áreas desérticas. A decisão de expor o uniforme foi criticada por algumas pessoas. “Parece de mau gosto exibir a evidência de nossa vitória no espaço que deveria ser usado para a reflexão séria e silenciosa, e para a oração”, afirma um artigo da Newsweek.

Leia também

Obama inaugura em NY o Museu Memorial 11 de setembro

Novo World Trade Center oferece vista privilegiada de Manhattan

Camisa usada por um Seal durante operação que matou Osama bin Laden
Camisa usada por um Seal durante operação que matou Osama bin Laden VEJA

O presidente do memorial, Joe Daniels, defendeu a ideia, argumentando que a captura do terrorista não apenas é um momento-chave da história recente americana, como também dá a milhares de visitantes a oportunidade de reconhecer a coragem de homens e mulheres que se sacrificam pelo país.

O Museu Memorial 11 de Setembro foi construído na base do World Trade Center para documentar o ataque de 2001, seu impacto e legado com a exibição de cerca de 10.000 artefatos. Mais de 900.000 pessoas já o visitaram desde sua abertura, e mais de 15 milhões passaram pelo memorial ao ar livre, inaugurado há três anos.

(Com agência France-Presse)

Continua após a publicidade

Publicidade