Clique e assine a partir de 9,90/mês

EUA defendem compromisso com estabilidade no Líbano

Por Da Redação - 13 jan 2012, 15h48

Beirute, 13 jan (EFE).- O chefe do Comando Central americano, general James Mattis, expressou nesta sexta-feira ‘o compromisso dos Estados Unidos com um Líbano estável, soberano e independente’ em várias reuniões que teve com responsáveis políticos libaneses.

Mattis, que fez uma visita surpresa ao Líbano, se reuniu com o presidente Michel Suleiman, o primeiro-ministro Najib Mikati, o chefe do Parlamento, Nabih Berri, e o comandante do Exército libanês, general Jean Kahwaji, segundo a imprensa local.

Em comunicado, a embaixada dos EUA indica que, durante esses encontros, o responsável militar examinou ‘a situação política e de segurança no Líbano, assim como outros temas regionais’.

O comandante das Forças Armadas ressaltou ‘a cooperação militar forte e sustentada entre os dois países, assim como as iniciativas do Líbano para cumprir suas obrigações em relação à resolução 1.701 do Conselho de Segurança (da ONU)’, que pôs fim à guerra entre Israel e o grupo xiita libanês Hezbollah em 2006.

Ele destacou o apoio dos EUA ao Exército libanês para reforçar sua capacidade, enfatizando a importância de uma força legítima única de defesa para garantir as fronteiras do Líbano e defender sua soberania e independência. EFE

Continua após a publicidade
Publicidade