Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

EUA consideram ‘construtivas’ as reuniões entre israelenses e palestinos

Washington, 4 jan (EFE).- O Departamento de Estado dos Estados Unidos qualificou nesta quarta-feira de ‘construtiva’ a primeira rodada de reuniões entre palestinos e israelenses sob os auspícios da Jordânia, em uma nova tentativa de reativar as conversas de paz diretas.

A porta-voz do citado departamento, Victoria Nuland, ressaltou que o encontro de terça-feira, em Amã, é ‘o mais importante ocorrido até o momento e vai continuar acontecendo’.

‘Esperamos que uma nova rodada destas conversas diretas aconteça em 6 de janeiro e que o diálogo continue’, acrescentou Nuland.

O encontro aconteceu na capital jordaniana com a participação do ministro das Relações Exteriores jordaniano, Nasser Yudeh, e os negociadores palestino, Saeb Erekat, e israelense, Izhak Moljo, que se reuniram tête-à-tête pela primeira vez em 16 meses.

Anteriormente, os dois negociadores haviam participado de um encontro com representantes dos EUA, Rússia, União Europeia e ONU, que formam o chamado Quarteto para o Oriente Médio.

Nuland explicou que ‘continuamos pensando que o objetivo das conversas deve estar focado principalmente em território e segurança, e que ambas as partes devem trabalhar rumo a propostas integrais que possam servir de base para a negociação’.

A autoridade americana ressaltou ainda que palestinos e israelenses ‘devem trabalhar conjuntamente para aumentar a confiança mútua’ e que os EUA desejam ‘preservar nos próximos encontros o bom ambiente que começou em Amã’.

A aspiração do Quarteto é ver propostas concretas de ambas as partes no dia 26 de janeiro e que se estabeleça um calendário para chegar a um acordo final antes do fim de 2012.

A Autoridade Nacional Palestina se retirou das últimas negociações diretas de paz, em setembro de 2010, após Israel ter rejeitado a extensão de uma moratória na construção de assentamentos. EFE