Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Estudantes franceses serão proibidos de usar celular em sala de aula

Lei aprovada pela Assembleia Nacional atingirá alunos de 3 a 15 anos de idade; escolas de ensino médio poderão optar pela liberação ou não dos aparelhos

Ao regressarem às aulas, em setembro, os estudantes franceses de 3 a 15 anos de idade terão de cumprir uma nova lei e deixar seus aparelhos de celular e tabletes em casa ou desligados. Escolas de ensino médio poderão optar pela proibição ou liberação do uso dos dispositivos móveis em sala de aula, segundo a rede de televisão americana CNN.

A lei abre exceções apenas para os casos em que os professores queiram usar os aparelhos por razões pedagógicas, em atividades extracurriculares e para os alunos com deficiência.

Com a adoção da nova lei, o presidente da França, Emmanuel Macron, cumpre uma de suas promessas de campanha. O projeto foi aprovado pela Assembleia Nacional pela maioria absoluta dos votos do centro – 62 contra 1. Alguns legisladores da direita e da esquerda se abstiveram.

“Sabemos que há um fenômeno do vício pelas telas, o fenômeno do mau uso dos telefones celulares. Nosso principal papel é proteger as crianças e os adolescentes. Este é um papel fundamental da educação, e esta lei permite isso”, afirmou o ministro da Educação, Jean-Michel Blanquer ao canal de televisão francês BFMTV.

Para vários legisladores da direita e da esquerda, que preferiram se abster da votação, a lei pouco mudará. “Na verdade, a proibição já existe. Eu não conheço nenhum professor neste país que permita o uso de celular em sala de aula”, disse o deputado Alexis Corbière, um ex-professor de esquerda.
Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. Jorge Lima Daou

    Pais retrogrado, decisão antidemocrática, absurdo, SQN!

    Curtir