Clique e assine com até 92% de desconto

Encontradas no Peru valas comuns com 100 supostas vítimas de terrorismo

Por Da Redação 20 dez 2011, 23h20

Lima, 20 dez (EFE).- Quatorze valas comuns com supostas vítimas de terrorismo nos anos 80 foram descobertas na região de Ayacucho, no sudeste do Peru, denunciou nesta terça-feira o congressista Alberto Beingolea.

O legislador da opositora Aliança pela Grande Mudança informou, segundo o portal do diário ‘El Comercio’, que um grupo de dirigentes camponeses fez a descoberta no povoado de Huayco, perto da entrada ao Valle de los Ríos Apurímac y Ene (VRAE), onde há presença do narcotráfico e das forças remanescentes do Sendero Luminoso.

Beingolea acrescentou que, segundo os testemunhos entregues a ele, nas valas há aproximadamente 100 cadáveres, os quais seriam vítimas do terrorismo que castigou essa região entre 1980 e 2000.

‘Este é um tema vigente e atual. Há um tema de desaparecimento que nós só vemos em números, mas que para milhares de peruanos continua sendo uma realidade penosa. Eles querem justiça, não pela reparação econômica, mas porque lutam pelo direito de enterrar seus mortos’, manifestou o congressista. EFE

Continua após a publicidade
Publicidade