Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Embaixada dos EUA na Turquia é atacada a tiros

Washington e Ancara vivem crise diplomática; porta-voz da Presidência turca diz que tiroteio foi 'tentativa de criar o caos'

A embaixada dos Estados Unidos em Ancara foi atacada nesta segunda-feira (20) por desconhecidos que, de dentro de um veículo , atiraram contra o prédio . Não houve vítimas, informou a rede local de televisão NTV.

O incidente aconteceu às 5h (23h de domingo em Brasília). Seis rodadas de tiros atingiram uma cabine de segurança e uma janela, disparados de um carro branco.

“Podemos confirmar que um incidente de segurança aconteceu na Embaixada dos Estados Unidos esta manhã”, disse David Gainer, porta-voz da delegação diplomática americana. “Não temos relatórios de nenhum ferido. Estamos investigando os detalhes. Agradecemos à polícia da Turquia por sua rápida resposta”, concluiu a breve nota.

Apesar das tensões entre os Estados Unidos e a Turquia, o porta-voz da Presidência turca,  Ibrahim Kalin, condenou o ataque. Informou por Twitter que foi uma “tentativa de criar o caos”. Washington tem pressionado Ancara a libertar o pastor americano Andrew Brunson, julgado na Turquia por terrorismo e espionagem. A turbulência contaminou as demais economias emergentes, como o Brasil.

Como pressão, Washington duplicou as tarifas de importação de aço e alumínio da Turquia e ameaça com novas sanções unilaterais. As retaliações impactaram negativamente a frágil economia do país, que se vê diante de especulação cambial e de mais de 40% de desvalorização da lira, a moeda oficial, desde o início do ano.

A embaixada americana em Ancara e o consulado em Istambul estão fechados e o consulado americanos em Ancara estão fechados nesta semana por causa das celebrações do Eid al-Adha, a “Grande Festa” muçulmana, que se dá nos dias posteriores à peregrinação anual a Meca.

(Com EFE)