Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Eleições para o Parlamento Europeu serão decididas neste domingo

A votação é realizada uma vez a cada cinco anos e mobiliza 500 milhões de eleitores

Os eleitores votavam neste domingo (26) em 21 países da União Europeia para escolher seus representantes no Parlamento Europeu, onde os partidos eurocéticos devem alcançar um novo avanço segundo as pesquisas.

De leste a oeste, as assembleias de voto abriram gradualmente, da Grécia, onde os jovens de 17 anos votam pela primeira vez, até Portugal. O horário de votação varia de acordo com o país: os últimos serão os italianos, encerrando o pleito às 23h (18h no horário de Brasília).

A eleição já ocorreu em sete países desde quinta-feira, incluindo no Reino Unido, que se resignou a organizar a votação após um novo adiamento do Brexit, com um prazo agora definido para 31 de outubro. O mandato dos eleitos britânicos vai acabar assim que seu país deixar a União, e seus assentos serão abolidos ou redistribuídos para outros países.

Cerca de 427 milhões de europeus são chamados às urnas nesta eleição, que visa eleger por 5 anos os 751 membros do Parlamento Europeu. Uma assembleia que aumentou consideravelmente seus poderes, mas cuja eleição é geralmente marcada por uma baixa participação (42,6% em 2014).

Ao meio-dia na França (7h de Brasília), a tendência era positiva, com uma taxa de participação de 19,26%, um aumento de 3,5 pontos em relação a 2014 na mesma hora.

Veja também

Os resultados oficiais só serão divulgados após o encerramento da votação na Itália, mas as estimativas indicando as tendências são esperadas a partir do final da tarde em vários países.