Clique e assine a partir de 9,90/mês

Dois corpos são encontrados nos escombros de shopping no Quênia

Autoridades suspeitam que restos carbonizados sejam de terroristas que cometeram atentado em setembro

Por Da Redação - 18 out 2013, 10h59

Autoridades do Quênia resgataram na quinta-feira dois corpos carbonizados nos escombros do shopping Westgate, em Nairóbi, onde um ataque perpetrado por terroristas islâmicos resultou na morte de pelo menos 69 soldados e civis. De acordo com a rede BBC, as autoridades suspeitam que os corpos sejam de dois terroristas. Segundo Ndung’u Gethenji, que faz parte do comitê que investiga o ataque, fuzis AK-47 foram achados próximos aos corpos. A confirmação das identidades ainda depende de análises.

Leia também:

Clérigo muçulmano ligado a terroristas é morto no Quênia

“Terroristas podem correr, mas não se esconder”, diz Kerry

De acordo com a Cruz Vermelha, 23 pessoas continuam desaparecidas. A participação de terroristas ocidentais no ataque continua sendo investigada. A polícia norueguesa busca informações sobre a participação de um cidadão norueguês de origem somali no ataque.

O homem de 23 anos foi identificado como Hassan Abdi Dhuhulow pela BBC. Um parente do suspeito disse que ele deixou a cidade norueguesa de Larvik e foi morar na Somália em 2009. Nascido no país africano, ele se mudou para a Noruega com a família na condição de refugiado, em 1999.

Na quinta-feira, a rede americana CNN exibiu novas imagens que foram registradas por câmeras de segurança durante o ataque que mostram detalhes da ação dos terroristas do grupo somali Al Shabab (“A Juventude”, em árabe).

O material obtido pela rede americana apresenta os primeiros momentos do atentado, quando pessoas começaram a correr após disparos serem feitos dentro do centro comercial. Logo no início da filmagem, um homem se atira no chão para se fingir de morto, mas é baleado covardemente por um terrorista. Os criminosos aparecem fortemente armados com granadas e fuzis.

Continua após a publicidade
Publicidade