Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Detento marroquino volta à prisão após fugir para cobrar dívidas

Por Da Redação 10 Maio 2012, 10h16

Rabat, 10 mai (EFE).- Um preso marroquino que cumpria pena no presídio de Ukacha, em Casablanca, aproveitou uma visita ao hospital para iniciar uma fuga, mas, depois quatro dias, volta à prisão por vontade própria após ter cobrado algumas dívidas.

O jornal ‘Al Jabar’ informa nesta quinta-feira que o preso, de 24 anos de idade e que sofre de insuficiência renal, foi levado na última semana da prisão de Ukacha até o hospital Ibn Rochd para receber tratamento. No local, o preso pediu água mineral ao policial que o escoltava e, com isso, conseguiu abrir caminho para sua fuga.

Segundo o jornal, o preso saiu do hospital e se dirigiu imediatamente até a cidade Tata, situada a 500 quilômetros de Casablanca, para ‘cobrar algumas dívidas’.

Quatro dias depois, o réu retornou à prisão de Ukacha e se entregou por vontade própria aos guardas da prisão para terminar de cumprir sua pena. EFE

Continua após a publicidade
Publicidade