Clique e Assine por somente R$ 2,50/semana

Os desafios de Trump e seu secretário de Estado

O magnata republicano prometeu mudanças drásticas na política externa americana

Por Da redação Atualizado em 21 dez 2016, 13h08 - Publicado em 13 dez 2016, 19h15

A partir de 20 de janeiro, o republicano Donald Trump enfrentará uma série de desafios como novo presidente dos Estados Unidos, muitos deles na política internacional. Desde que venceu as eleições à Casa Branca, em 8 de novembro, o magnata republicano tem prometido mudanças drásticas na política externa americana, como uma reaproximação com a Rússia, uma renegociação comercial com a China, uma forte oposição aos acordos climáticos, uma política migratória restritiva e atitudes mais duras contra o Irã.

Essas promessas de Trump foram recebidas com cautela e preocupação pelos parceiros dos EUA, já que algumas decisões podem alterar a regra do jogo internacional e impactar as relações diplomáticas do mundo todo.

  • Entretanto, todos esses assuntos não dependem exclusivamente de Trump. Elas terão de passar pelas mãos do secretário de Estado, Rex Tillerson, além das agências do governo e do próprio Congresso dos Estados Unidos. Confira algumas hipóteses sobre o futuro da política externa americana:

    (Com  reportagem de Beatriz Farrugia, da ANSA)

    Continua após a publicidade
    Publicidade