Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Desabamento de fábrica mata nove no Paquistão

Nove pessoas morreram e outras 50 estavam presas nesta segunda-feira sob os escombros de uma fábrica que desabou em Lahore, a grande cidade da região leste do Paquistão, informaram fontes oficiais.

Sete mulheres e duas crianças de 12 e 14 anos morreram e 16 pessoas ficaram feridas, declarou um funcionário da polícia, Shoaib Khurram.

Durante a noite, as operações de busca seguiam com a ajuda de lanternas.

Várias autoridades locais consideram que entre 35 e 50 pessoas ficaram presas entre os escombros, em sua maioria mulheres e crianças funcionárias da fábrica.

O balanço anterior era de seis mortos.

A explosão de um cilindro de gás pode ter originado a catástrofe, que atingiu esta unidade de fabricação de vacinas para animais instalada ilegalmente há 25 anos em três andares do edifício, no concorrido bairro de Multan Road, segundo a polícia.

A polícia explicou que a fábrica da Orient Labs Limited funcionava de maneira ilegal e sem o registro adequado, e que os três proprietários do estabelecimento estavam sendo procurados.

“A maioria das vítimas são mulheres e crianças que empacotavam medicamentos ali”, ressaltou uma autoridade dos serviços de resgate, Mohammed Asif.

O acidente é mais uma evidência das péssimas condições de segurança nas fábricas no Paquistão, assim como da exploração do trabalho infantil.