Clique e assine com até 92% de desconto

Covid-19: França impõe toque de recolher em Paris e outras cidades

Moradores estão proibidos de sair de casa entre 21h e 6h do horário local a partir de sábado

Por Julia Braun Atualizado em 14 out 2020, 15h45 - Publicado em 14 out 2020, 15h35

O presidente da França, Emmanuel Macron, anunciou nesta quarta-feira, 14, que vai decretar um toque de recolher em Paris e outras cidades, para tentar controlar a transmissão da Covid-19. Com isso, os moradores estão proibidos de sair de casa entre 21h e 6h do horário local.

As cidades que entrarão no toque de recolher são aquelas que se encontram em estado de alerta máximo por conta do novo coronavírus. Paris e sua região, Lyon e Lille estão entre os locais atingidos.

As pessoas que descumprirem serão sancionadas com multa de 135 euros (158 dólares). Ao todo, nove cidades deverão obedecer às novas regras, segundo anunciou Macron em entrevista coletiva.

A medida passa a valer a partir deste sábado, 17, e deve durar ao menos um mês.

  • A França acumula atualmente 820.000 casos e 33.056 mortes pelo novo coronavírus. Nas últimas semanas, porém, o pais viu um aumento significativo no número de novas infecções.

    No fim do mês de setembro, o país contabilizou seu recorde de novas infecções em 24 horas, levando o governo a temporariamente fechar bares e cafés, limitar o movimento nas lojas e estimular o home office. Outros países europeus, como Espanha, Alemanha, Bélgica e Reino Unido também vivem situações semelhantes.

    Especialistas, porém, não configuram o aumento atual de casos na Europa como uma segunda onda, considerando que sua extensão e potencial de estrago não se equiparam à violência do princípio. Além disso, o continente exibe índices de lotação de hospitais e de mortalidade pelo vírus muito menores do que os contabilizados entre março e maio.

    Continua após a publicidade
    Publicidade