Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Corpos de 30 passageiros do avião que caiu no Irã são resgatados

As causas do acidente ainda não são conhecidas. Grupos de resgate trabalham para recuperar demais corpos e a caixa-preta da aeronave

As equipes de resgate encontraram os corpos de pelo menos 30 dos 65 passageiros e tripulantes que viajavam no avião que caiu no último domingo, em uma montanha do centro do Irã. 

No local do acidente, na Montanha Dena, a cerca de 4.000 metros de altura, estão 20 grupos de resgate especializados em procedimentos em áreas montanhosas para recuperar os corpos e a caixa-preta do avião.

A operação, que ontem se concentrou em encontrar os corpos, continuará nesta quarta-feira. Segundo explicou o diretor da organização humanitária Crescente Vermelho da província de Isfahan, Mohsen Momeni, à agência oficial IRNA, os especialistas em resgate devem começar a realizar a descida e retirada dos corpos da montanha ainda hoje.

A escuridão e as más condições do tempo impediram que a operação de retirada tivesse início antes. A identificação das vítimas acontecerá na cidade de Yasuy, capital da província de Kohkiluyeh e Buyer Ahmad, segundo as autoridades locais.

O diretor-geral do departamento forense da província, Kamruz Amini, informou que 50 familiares das vítimas já deram mostras de DNA para ajudar na identificação.

O terreno íngreme do local do acidente do avião da Aseman vai complicar a retirada dos corpos, que poderia se prolongar até a próxima sexta-feira. Os helicópteros de resgate não conseguem aterrissar ou se aproximar da região, por isso muitas das operações estão sendo realizadas a pé.

O ATR-72 saiu do Aeroporto Internacional de Mehrabad, em Teerã, às 8h (hora local) do último domingo com destino à cidade de Yasuy, e desapareceu do radar cerca de 50 minutos depois. As causas do acidente ainda não são conhecidas.

O Irã conta com uma frota aérea obsoleta devido a anos de sanções internacionais. Na última década aconteceram vários acidentes graves. O último foi em agosto de 2014 em Teerã, no qual morreram 40 pessoas. Três anos antes, outro avião comercial caiu durante uma tempestade de neve no norte do país, o que provocou a morte de 77 pessoas.

Segundo as autoridades civis de aviação iraniana, o ATR-72 que caiu neste domingo tinha 25 anos de uso.