Clique e assine a partir de 9,90/mês

Corpo de Arafat será exumado nesta terça-feira

Procedimento faz parte da investigação sobre as causas que levaram à morte do ex-dirigente palestino

Por Da Redação - 24 nov 2012, 09h26

O corpo do ex-dirigente palestino Yasser Arafat será exumado nesta terça-feira, informou neste sábado Tawfiq Tirawi, chefe da equipe que investiga os motivos que levaram à morte do palestino. A análise dos restos mortais de Arafat faz parte da investigação sobre um possível assassinato por envenenamento de Arafat. De acordo com Tirawi, uma cerimônia de enterro fechada para o público será realizada no mesmo dia.

No início do mês, funcionários palestinos começaram a abrir o túmulo de Arafat, estava oculto por grandes toldos. Tanto a família de Arafat quanto várias autoridades palestinas pedem a investigação sobre a morte do ex-dirigente desde que um laboratório suíço encontrou quantidades anormais de polônio, uma substância radioativa letal, nos objetos pessoais do ex-líder. O chefe de investigação afirmou, porém que o fato de o corpo de Arafat ser exumado não significa que as conclusões serão definitivas, já que o polônio é capaz de se decompor rapidamente.

Arafat adoeceu em outubro de 2004 em Ramallah, na Cisjordânia. Foi transferido para o hospital militar de Percy, na França, onde morreu em 11 de novembro do mesmo ano. Cerca de 50 médicos, que se revezaram para cuidar do palestino, não foram capazes de indicar a causa da morte. A mulher dele não autorizou uma autópsia. Na época, palestinos afirmavam que o serviço secreto de Israel o havia assassinado.

(Com agências France-Presse e EFE)

Publicidade