Clique e assine a partir de 9,90/mês

Coreia do Norte ordena produção em massa de sistema antiaéreo

Vídeo divulgado pela agência de notícias estatal KCNA mostra o teste de armas antiaéreas que serão implantadas em todo o país

Por Da redação - Atualizado em 28 maio 2017, 13h30 - Publicado em 28 maio 2017, 12h37

O presidente da Coreia da NorteKim Jong-un, supervisionou o teste de um novo sistema de armas antiaéreas e ordenou sua produção em massa e implantação em todo o país, informou a agência de notícias estatal KCNA neste domingo, depois de semanas de desafiadores testes de mísseis.

A agência divulgou vídeo dos testes, mas a hora em que ocorreram e a natureza exata das armas não foram informados. O lançamento foram organizado pela Academia de Ciências da Defesa Nacional, uma agência suspeita de desenvolver mísseis e armas nucleares.

A Coreia do Norte vem impulsionando o desenvolvimento de uma ampla gama de armas desde o início do ano passado em um ritmo sem precedentes, incluindo um míssil de longo alcance capaz de atingir os Estados Unidos e, nas últimas semanas, testou mísseis balísticos de alcance intermediário, conseguindo avanços técnicos.

Continua após a publicidade

Kim Jong-un rejeita a ONU e sanções unilaterais de outros países contra seu programa de armas como uma violação de seu direito à autodefesa e diz que o programa é necessário para combater a agressão dos Estados Unidos.

Os Estados Unidos negam qualquer intenção de atacar o país.

“Kim Jong Un… assistiu ao teste de um novo tipo de sistema de armas antiaéreas organizado pela Academia de Ciência da Defesa Nacional”, disse KCNA no domingo. “Este sistema de armas, cuja capacidade de operação foi completamente verificada, deve ser produzido em massa para implantação em todo o país… de modo a estragar completamente o grande sonho do inimigo de comandar o ar, ostentando supremacia aérea e armas poderosas”, informou.

(com Reuters)

Publicidade