Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Coreia do Norte celebra Exército antes de possível teste nuclear

Por North Korean Tv 25 abr 2012, 08h18

A Coreia do Norte, que está em uma intensa disputa com comunidade internacional por seu programa nuclear e que estaria preparando um novo teste, celebrou nesta quarta-feira os 80 anos de criação do Exército.

O jovem líder norte-coreano, Kim Jong-un, comandante supremo do Exército Popular da Coreia, assistiu em Pyongyang a uma reunião com este motivo, informou a agência oficial norte-coreana KCNA, sem revelar mais detalhes.

Criado durante a Segunda Guerra Mundial para lutar contra as forças japonesas que ocuparam a península coreana entre 1910 e 1945, o Exército norte-coreano, que tem 1,2 milhão de integrantes, é o quarto maior do mundo, mas suas armas, na maioria de fabricação russa, são consideradas antiquadas.

Herdeiro da única dinastia comunista do mundo, Kim Jong-un sucedeu o pai, Kim Jong-il, que morreu em dezembro aos 69 anos, assumiu o comando do Partido dos Trabalhadores da Coreia e da poderosa Comissão da Defesa Nacional, órgão supremo do Estado.

Desde que Kim Jong-un assumiu o poder, o regime não parou de elevar tom contra a Coreia do Sul e os Estados Unidos, países que, segundo Pyongyang, querem prejudicar seu “desenvolvimento pacífico”.

O país realizou em 13 de abril um lançamento frustrado de foguete para colocar em órbita supostamente um satélite de observação terrestre, mas os Estados Unidos e seus aliados denunciaram uma tentativa de teste de míssil balístico.

Continua após a publicidade

Publicidade