Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Companhia aérea espanhola nega sequestro de aeronave

Um avião comercial que partiu de Málaga, na Espanha, pousou no aeroporto de Schiphol, na capital holandesa, após ser escoltado por dois caças F-16

Por Da Redação 29 ago 2012, 11h19

Um representante da companhia aérea espanhola Vueling negou ‘categoricamente’ que um voo com destino a Amsterdã tenha sido sequestrado nesta quarta-feira e explicou que o ‘mal-entendido’ ocorreu por causa da má comunicação entre o piloto e a torre de controle. Ao não ter sido estabelecido o contato por rádio, como está previsto nos protocolos, as autoridades levantaram a suspeita, que foi amplamente divulgada pela mídia internacional.

O alvo da suspeita era um avião comercial que havia partido de Málaga, na Espanha. A aeronave pousou no aeroporto de Schiphol, na capital holandesa, após ser escoltada por dois caças F-16 sob a suspeita de ter sido sequestrada, explicou um porta-voz da polícia militar do país.

O avião foi cercado pelas forças de segurança assim que aterrissou no aeroporto. A situação no local era normal e os 138 passageiros permaneceram no interior da aeronave até que o mal-entendido foi desfeito.

Bomba – Em outro episódio, foi encontrado nesta quarta-feira no aeroporto de Schiphol um artefato explosivo, que pode ser uma bomba da II Guerra Mundial. Por esta razão,’o Terminal C foi esvaziado como medida de precaução’ devido à ‘séria suspeita’, afirmou a porta-voz do aeroporto, Marianne de Bie.

Leia também:

Bomba da II Guerra Mundial é detonada em Munique

Qual é o maior aeroporto do mundo, do tamanho de Nova York? E o mais movimentado? E o mais alto? Quanto voa em sua vida útil um avião comercial? Quantas pessoas viajam de avião por ano? Confiram esta compilação imperdível de estatísticas sobre a indústria da aviação

Continua após a publicidade
Publicidade