Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Com alerta máximo de segurança, belgas inundam redes sociais com fotos de gatinhos

Por Da Redação 23 nov 2015, 14h51

A população de Bruxelas, capital da Bélgica, respondeu com bom humor na internet ao terceiro dia consecutivo sob alerta máximo de segurança contra um “risco iminente” de atentado terrorista. Com escolas, estações de metrô, atrações culturais e boa parte do comércio fechados, os belgas inundaram as redes sociais com fotos de gatinhos.

No domingo, as autoridades do país pediram aos cidadãos que não saíssem de casa e não publicassem nada em redes sociais relacionado às buscas policiais em seus bairros, provavelmente para evitar que os suspeitos monitorassem as operações da polícia pelo Twitter ou Facebook. A população acatou a recomendação e usou a hashtag BrusselsLockdown (algo como ‘Bruxelas em Alerta’, em português) para compartilhar imagens de gatos, em especial com referências bem humoradas à atual situação do país.

Ao final das operações, a polícia belga agradeceu a cooperação da população via Twitter com uma foto de uma tigela de ração. “Sirvam-se!”, dizia ainda o tuíte.

Centenas de policiais e militares patrulham Bruxelas em busca do jihadista Salah Abdeslam, suspeito de ter participado dos ataques terroristas de 13 de novembro em Paris. Autoridades do país acreditam que Salah, que é de Bruxelas, fugiu para a Bélgica na madrugada seguinte aos atentados.

Leia também:

Rússia lançou 472 ataques aéreos contra a Síria em dois dias

Bruxelas vive terceiro dia consecutivo sob segurança máxima

Hollande e Cameron visitam Bataclan para homenagear vítimas dos ataques

(Da redação)

Continua após a publicidade
Publicidade