Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Colombiano é detido por jogar ácido sulfúrico no rosto de mulher em Madri

Madri, 18 jul (EFE).- A polícia espanhola prendeu nesta quarta-feira um colombiano de 20 anos, acusado de ser o autor de um ataque com ácido sulfúrico contra uma mulher, no mês passado, em Madri.

Segundo fontes policiais, há fortes indícios da participação do acusado na agressão contra uma espanhola, de 29 anos, no último dia 20. Apesar disso, ainda não há informações sobre os motivos da agressão.

A investigação apontaria que o detido e o marido da vítima Özgüir Dogan, um espanhol de origem turca, de 29 anos, se conheciam. Segundo a polícia, o casal estaria envolvido em um processo de separação. O marido também foi detido anteriormente.

De acordo com fontes ligadas ao inquérito, a vítima saía de casa, em um bairro popular de Madri, quando um homem a surpreendeu e jogou ácido em seu rosto, produzindo graves lesões nas bochechas, pálpebras e boca. O responsável pela agressão fugiu imediatamente, sem ser identificado.

Dias depois da agressão, o marido foi detido acusado de ‘supostos maus tratos continuados’ cometidos antes da vítima se atacada.

As autoridades abriram diversas linhas de investigação que levaram a prisão do cidadão colombiano cujo nome não foi divulgado, mas que tem as iniciais B.S.C.A. Em sua casa foram encontradas peças de roupas iguais às descritas pela vítima e testemunhas do ataque, assim como uma garrafa de solvente e outra de aguarrás.

A justiça de Madri decretou a prisão preventiva, sem direito a fiança, do acusado, por delito de lesões graves com deformidade, com pena prevista de seis a 12 anos. EFE