Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Chuvas de monção deixam 180 mortos no sul da Ásia

Enchentes na região provocam deslocamentos em massa anualmente; número de mortos e danos da atual temporada devem aumentar

Ao menos 180 pessoas morreram e milhares foram afetadas pelas inundações e deslizamentos de terra provocados pelas chuvas de monção, que atingem Bangladesh, Nepal e Índia.

Entre os mortos estão pelo menos cinco crianças, que morreram afogadas em Bangladesh. No país, foram contabilizadas até agora 34 vítimas. Outras dez pessoas morreram nos grandes campos de refugiados rohingyas, na fronteira com Mianmar.

No Nepal, as inundações deixaram pelo menos 67 mortos. O nível da água começou a baixar, mas as equipes de emergência ainda retiram famílias bloqueadas dos telhados de suas casas.

As autoridades de saúde emitiram alertas para o risco de epidemias e fizeram um apelo por ajuda internacional.

Na Índia, as chuvas provocaram pelo menos cinquenta mortes, sobretudo nos estados de Bihar e Asam, nas regiões norte e nordeste do país.

Em Asam, as autoridades locais decretaram alerta vermelho pelas inundações. Cerca de 4,3 milhões de pessoas foram desalojadas nos últimos dez dias na cidade devido à subida das águas na região, no nordeste do país, que é predominantemente rural.

Em Bihar, as inundações afetaram 2,5 milhões de habitantes e deixaram 24 mortos.

Em Bombaim, no oeste do país, um prédio desabou nesta terça-feira, 16, e deixou ao menos quatro mortos. Outras 30 pessoas permanecem presas nos escombros.

No último domingo, o desabamento de um edifício no estado de Himachal Pradesh, norte do país, provocado pelas fortes chuvas deixou pelo menos 14 mortos e 30 feridos.

Os incêndios e quedas de edifícios são frequentes na Índia, muitas vezes devido ao estado precário de infraestrutura e falta de manutenção, fatores alimentados pela corrupção e práticas ilegais no setor da construção. Além disso, a estação das monções acentua a possibilidade de deslizamentos de terra, pois as chuvas acabam afetando as estruturas dos imóveis.

As fortes chuvas também deixaram 23 mortos na parte paquistanesa da Caxemira, segundo as autoridades locais.

As enchentes no sul da Ásia provocam deslocamentos em massa e mortes anualmente, e o número de mortos e os danos da atual temporada de monções, que está apenas começando, devem aumentar nas próximas semanas.

Em 2017, as inundações no Nepal, na Índia e em Bangladesh mataram pelo menos 800 pessoas e destruíram plantações e casas.

(Com AFP e Reuters)