Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Chile: avião se desintegrou ao chocar-se com o mar

Queda de aeronave matou 21 pessoas, na sexta. Resgate de corpos é difícil

Por Da Redação 4 set 2011, 20h18

O ministro chileno de Defesa, Andrés Allamand, afirmou neste domingo que os trabalhos de busca na região onde, na última sexta-feira, um avião caiu com 21 pessoas a bordo indicam que a aeronave se desintegrou com o impacto sobre o mar.

Se essa informação for confirmada, “a tarefa de busca será muito mais difícil”, disse aos jornalistas Allamand, que está no arquipélago Juan Fernández, a 670 quilômetros do litoral chileno, liderando as tarefas de busca.

De acordo com o ministro, os restos mortais já resgatados na cena da tragédia estavam bastante dispersos, o que reforça a tese de que o avião tenha se desintegrado.

O presidente chileno, Sebastián Piñera, decretou neste domingo dois dias de luto nacional pelas 21 vítimas que morreram na queda de um avião militar na ilha Robinson Crusoé, e advertiu que não pode garantir que a busca dos 17 corpos que ainda não foram encontrados seja 100% bem-sucedida.

Piñera acrescentou que “estão trabalhando com a melhor tecnologia” para encontrar os corpos das vítimas, mas advertiu que “não podemos garantir que esta busca seja 100% bem-sucedida”, pelas dificuldades do local onde o avião caiu e pela violência do impacto. “Sabemos que o impacto foi muito violento e que a fuselagem do avião ficou espalhada em uma grande região”, explicou.

(Com agências EFE e AFP)

Continua após a publicidade
Publicidade