Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Chega a 5 número de mortos em acidente de avião de conselheiro de Kabila

Kinshasa, 13 fev (EFE).- Subiu para cinco número de mortos no acidente aéreo que matou Katumba Mwanke, conselheiro de Política e Segurança do presidente da República Democrática do Congo, Joseph Kabila, informou um porta-voz do governo à Agência Efe.

De acordo com o vice-primeiro-ministro e titular de Interior, Adolphe Lumanu, além de Katumba, morreram dois cidadãos americanos – o piloto e o copiloto do avião -, e outros dois congoleses que estavam no rio onde a aeronave caiu.

Lumanu afirmou que os pilotos perderam o controle do avião após pousarem no aeroporto de Kavumu, na província do Sul-Kivu, apesar das boas condições meteorológicas.

Os outros três passageiros, o ministro das Finanças, Matata Ponyo, o governador de Sul-Kivu, Marcelin Cishambo e o embaixador itinerante do presidente, Antoine Ghonda, ficaram gravemente feridos no acidente, e foram transferidos nesta segunda-feira à África do Sul.

‘Todos os feridos foram levados na manhã desta segunda-feira em um avião especial à África do Sul, onde irão receber atendimento. Esperamos que tudo corra bem e que possam voltar logo ao país’, disse Lumanu, acrescentando que os detalhes do funeral de Katumba não foram divulgados.

O porta-voz do governo da RDC, Lambert Mende Omalanga, confirmou neste domingo que o Executivo vai pedir ajuda à missão das Nações Unidas no país (Monusco) para esclarecer as causas do acidente. EFE