Clique e Assine por somente R$ 2,50/semana

Chefes de gabinete da primeira-ministra Theresa May se demitem

Após campanha classificada como desastrosa, pesos pesados do partido da primeira-ministra exigiram a demissão dos dois conselheiros

Por Da redação Atualizado em 10 jun 2017, 12h31 - Publicado em 10 jun 2017, 12h25

Os dois chefes de gabinete da primeira-ministra britânica Theresa May anunciaram neste sábado suas demissões após o revés eleitoral dos conservadores, que perderam a sua maioria absoluta no parlamento, a poucos dias do início das negociações sobre o Brexit.

  • “Assumo minha responsabilidade por meu papel nessa campanha eleitoral, que era de supervisionar o programa”, escreveu um deles, Nick Timothy, em uma carta publicada no site “ConservativeHome”.

    A outra conselheira principal de May, “Fiona Hill também pediu demissão”, afirmou pouco depois um porta-voz do Partido conservador.

    A posição de ambos, responsáveis pela campanha dos Tories – classificada de “catastrófica” por vários deputados conservadores-, se tornou insustentável.

    Segundo a imprensa britânica, pesos pesados do partido exigiram a demissão dos dois conselheiros a Theresa May, se ela quisesse evitar uma rebelião aberta.

    Fiona Hill e Nick Timothy já haviam sido conselheiros de May quando ela era ministra do Interior, entre 2010 e 2016.

    (Com AFP)

    Continua após a publicidade
    Publicidade