Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Causa da morte de Natalie Wood é alterada de ‘acidente’ para ‘indeterminada’

Washington, 7 jul (EFE).- A certidão de óbito da atriz americana Natalie Wood, que atribuía a um ‘acidente’ a morte da artista, em novembro de 1981, foi modificada para ‘indeterminada’, informa neste sábado a imprensa dos Estados Unidos.

As autoridades, que reabriram a investigação do caso em novembro do ano passado, modificaram o documento em junho, informou o site ‘TMZ’, que cita como fonte familiares da atriz, indicada ao Oscar em três ocasiões.

O corpo da atriz foi encontrado flutuando no Pacífico, próximo à costa de Los Angeles, em 29 de novembro de 1981, quando a atriz tinha 43 anos. Ela estava num passeio de iate com o marido, Robert Wagner.

A investigação da época determinou que Natalie quis deixar o iate após ter bebido em excesso e discutido com Wagner. Tentou subir em um bote de borracha, mas caiu na água e se afogou, já que não sabia nadar.

Membros da família revelaram ao ‘TMZ’ que detetives do condado de Los Angeles lhes comunicaram a modificação na sexta-feira passada.

Segundo o site, os detetives explicaram que algumas das contusões no corpo de Natalie eram incompatíveis com a morte por afogamento.

No entanto, indicaram que ainda não podem demonstrar de maneira definitiva se a morte da atriz foi acidental ou um crime.

A polícia de Los Angeles decidiu reabrir as investigações sobre o trágico fim da protagonista de ‘Amor Sublime Amor’ em novembro de 2011, após receber informações ‘confiáveis’ e ‘críveis’ de ‘várias fontes’ que geravam novas dúvidas.

Natalie Wood foi indicada ao Oscar de Melhor Atriz Coadjuvante pelo trabalho em ‘Juventude Transviada’ (1955) e ao Oscar de Melhor Atriz por ‘Clamor do Sexo’ (1961) e ‘O Preço do Prazer’ (1963). EFE