Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Casos de abusos contra idosos no Japão bateram recorde em 2010

Tóquio, 7 dez (EFE).- O número de casos de abusos físicos e verbais contra idosos registrados no Japão aumentou no ano passado em mais de 1 mil denúncias, atingindo o recorde de 16,7 mil notificações, anunciou nesta quarta-feira o Ministério da Saúde japonês.

Do total de casos de abusos registrados, 63% foram físicos e 39% verbais, e quase metade das denúncias ocorreu entre vítimas com sintomas de deficiência mental.

O índice, que contabiliza os casos de abusos contra idosos por familiares ou cuidadores, aumentou em 2010 em consequência do rápido crescimento da terceira idade no Japão, de acordo com a emissora de televisão local ‘NHK’. A contabilização dos dados começou em 2006.

Conforme a Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE), o país asiático tem a maior expectativa de vida do mundo (86,4 anos) e um dos que mais possui idosos na proporção populacional.

No Japão, 29,8 milhões de pessoas, 23,3% da população, têm mais de 65 anos, pelos dados oficiais de setembro de 2011.

Dos abusos registrados, quase 26% foram causados por negligência de seus responsáveis, em casos como falta de atenção e ajuda na alimentação.

O Ministério da Saúde japonês informou ainda que os abusos cometidos por parentes, 43% foram praticados por filhos, 17% por maridos e 16% pelas filhas das vítimas. EFE