Assine VEJA a partir de R$ 9,90/mês.

Casa Branca minimiza importância de viagem de Ahmadinejad à América Latina

Por Da Redação - 3 jan 2012, 17h29

Washington, 3 jan (EFE).- A Casa Branca minimizou nesta terça-feira a relevância da viagem do presidente iraniano, Mahmoud Ahmadinejad, pela América Latina em janeiro e destacou que Washington seguirá comprometido com seus vizinhos para manter o bom nível de relações.

De acordo com o porta-voz da Casa Branca, Jay Carney, o Governo americano ‘está concentrado no compromisso com a América do Sul e Central, que pretendemos que continue em um nível sólido’.

Carney não quis analisar detalhadamente as visitas que Ahmadinejad realizará na Venezuela, Nicarágua, Cuba e Equador durante a segunda semana de janeiro e que é vista como uma tentativa de Teerã de fortalecer alianças com vizinhos estratégicos de Washington.

‘Em relação ao Irã, estamos focados em sua incapacidade de se entender com o mundo e de ser responsável no referente à suas obrigações internacionais’, declarou Carney.

Publicidade

A viagem de Ahmadinejad é sua segunda pela América Latina e tem como objetivo avaliar as relações bilaterais, de âmbito internacional e os projetos conjuntos, segundo Teerã.

Em sua viagem, o líder iraniano se reunirá com o presidente venezuelano, Hugo Chávez, e assistirá à posse do presidente nicaraguense, Daniel Ortega. EFE

Publicidade