Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Casa Branca expressa condolências à Nigéria após atentados

Por Da Redação 25 dez 2011, 18h37

Washington, 25 dez (EFE).- A Casa Branca expressou neste domingo suas ‘sinceras condolências’ à Nigéria depois dos atentados terroristas da seita islâmica Boko Haram, que atacaram cinco templos cristãos e deixaram pelo menos 39 mortos na Nigéria.

‘Oferecemos nossas sinceras condolências ao povo da Nigéria e, sobretudo, para aqueles que perderam seus parentes e pessoas queridas’, indicou a Casa Branca em comunicado.

Após condenar a ‘violência sem sentido e as trágicas mortes neste dia de Natal’, o Governo dos Estados Unidos garantiu que ajudará as autoridades nigerianas a resolver este caso e fazer com que os responsáveis paguem por seus atos.

Neste domingo, pelo menos 39 pessoas morreram na Nigéria depois dos cinco atentados da seita islâmica Boko Haram contra templos cristãos. O mais sangrento deles foi registrado em Madalla, uma cidade próxima da capital nigeriana (Abuja). Nesta região, as equipes de socorro resgataram pelo menos 35 corpos após o ataque contra a Igreja Católica de Santa Teresa.

O norte da Nigéria se viu castigado este ano por atentados atribuídos ao grupo radical Boko Haram, cujo nome significa ‘A educação não islâmica é pecado’. O grupo insurgente luta pela instauração de uma lei islâmica (sharia) nesta região do país, onde a maioria é muçulmana.

A onda de atentados deste domingo supera o ataque mais sangrento realizado até o momento pelo grupo terrorista, que foi realizado em agosto. Na ocasião, 24 pessoas morreram após um ataque contra a sede da ONU, em Abuja. EFE

Continua após a publicidade
Publicidade