Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Candidatos a vice republicano e democrata votam nos EUA

Paul Ryan compareceu às urnas em Wisconsin, e Joe Biden votou em Delaware

Paul Ryan, o candidato republicano à vice-presidência dos Estados Unidos, votou na manhã desta terça-feira em sua cidade natal, Janesville, em Wisconsin – estado decisivo nas eleições deste ano. A escolha de Ryan, deputado por Wisconsin, para compor a chapa de Mitt Romney pode não ser garantia de vitória para os republicanos no estado, mas contribui para aumentar a importância de Wisconsin na disputa pela Casa Branca.

Joe Biden, vice-presidente dos Estados Unidos, e sua mulher, Jill Biden, também votaram pela manhã, em Greenvile, Delaware. Com um sorriso largo, Biden aguardou na fila com os outros eleitores e cumprimentou-os. O presidente Obama votou antecipadamente, em 25 de outubro, em Chicago, Illinois. Mitt Romney votou nesta terça, em Belmont, Massachusetts.

O vice-presidente Joe Biden vota com a mulher em Delaware O vice-presidente Joe Biden vota com a mulher em Delaware

O vice-presidente Joe Biden vota com a mulher em Delaware (/)

Leia também:

Leia também: Candidato Mitt Romney vota nos arredores de Boston

Indecisos – Enquanto a maioria dos estados tem uma preferência clara pelo Partido Democrata ou pelo Republicano, alguns são relativamente neutros – conhecidos como swing states. Neles, margens muito pequenas de intenção de voto separam Obama e Romney, e por isso os candidatos investiram centenas de milhões de dólares em eventos de campanha nesses locais.

O número de estados considerados indecisos varia de acordo com cada análise para as eleições deste ano. Mas a Flórida, quase igualmente dividida entre republicanos e democratas, é apontada como o estado indeciso mais importante para os candidatos. Em 2000, o republicano George W. Bush ganhou o colégio eleitoral da Flórida e assim conseguiu os votos necessários para se tornar presidente.