Clique e assine a partir de 8,90/mês

Canadá: todos os casamentos gays celebradas no país são válidos

Por Da Redação - 13 jan 2012, 23h16

Toronto (Canadá), 13 jan (EFE).- O Canadá esclareceu nesta sexta-feira que todos os casamentos entre casais do mesmo sexo realizados no país são legais, um dia após a notícia de que o Governo não considerava válidas as uniões homossexuais entre pessoas que não vivem no país.

O ministro da Justiça canadense, Rob Nicholson, desfez o mal-entendido ao assegurar nesta sexta-feira que queria ‘deixar claro que nosso Governo considera estes casamentos válidos’.

A dúvida foi lançada na quinta, quando se soube que o Ministério da Justiça assinalara que a união de duas lésbicas, celebrada em 2005 em Toronto, não era válida porque as duas mulheres não eram canadenses nem residiam no país, e as jurisdições onde vivem – Flórida (EUA) e Inglaterra – não reconhecem este tipo de casamento.

A posição do Governo canadense causou polêmica, uma vez que contestava os casamentos de mais de cinco mil casais, sobretudo americanos e mexicanos que passaram a visitar o Canadá a partir de 2005 para oficializar sua união.

Grupos de defesa dos direitos homossexuais e partidos da oposição assinalaram que a decisão do Ministério da Justiça de negar a validade dos casamentos entre estrangeiros que não residem no país correspondia ao desejo do Governo de reabrir o tema.

Em 2005 – ano da legalização dos casamentos homossexuais -, então na oposição, o atual primeiro-ministro canadense, o conservador Stephen Harper, havia se oposto a lei que aprovava essas uniões. EFE

Continua após a publicidade
Publicidade