Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Cameron seguia ‘acidentalmente’ agência de prostitutas no Twitter

Nota oficial explica que conta do premiê seguia automaticamente todos seus seguidores

O primeiro-ministro da Grã-Bretanha, o conservador David Cameron, seguia uma agência de prostituição de luxo “acidentalmente” em seu perfil oficial no Twitter, informou nesta quinta-feira o governo britânico à emissora BBC. Por causa de um sistema automático instalado na conta no Twitter do primeiro-ministro, seu perfil começou a seguir por equívoco a agência de prostituição ‘Carltons of London’, que se define como “a casa das melhores acompanhantes de Londres, para cavalheiros distintos”.

“Antes era utilizado um processo automático para seguir outras contas e, por isso, que @Number10gov (a conta oficial de Cameron) seguia automaticamente todos seus seguidores”, explicou o governo em nota à emissora pública britânica. Ainda segundo a nota, como resultado desse seguimento automático em massa, a conta do primeiro-ministro segue agora quase 370 000 contas.

Leia também

Renda das famílias britânicas cai ao menor nível em sete meses

Atleta do rúgbi pede desculpas por ‘chifrinho’ em Cameron

Novas medidas estão sendo tomadas para o premiê deixar de seguir as contas que estão “inativas, as consideradas spam e as inapropriadas”, como a agência de prostituição de luxo. O comunicado explica que a conta de Cameron começou a seguir a agência de prostituição por erro, mas que, em qualquer caso, seguir a esta agência no Twitter não implica em respaldá-la.

(Com agência EFE)