Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Caixa-preta de avião russo que caiu no Mar Negro é encontrada

Peça foi localizada a 1.600 metros do litoral e a uma profundidade de 17 metros

Uma das caixas-pretas da aeronave militar Tupolev-154 que caiu no domingo no Mar Negro foi encontrada nesta tertça-feira pelas equipes de busca, segundo comunicado do Ministério da Defesa da Rússia. O avião rumava para a Síria com 92 pessoas a bordo, entre eles mais de 60 integrantes do conjunto Alexandrov, coro do Exército russo.

De acordo com a nota do governo russo, a caixa-preta foi localizada às 5h42 hora de Moscou (0h42 em Brasília) a 1.600 metros do litoral e a uma profundidade de 17 metros. A peça será enviada ainda hoje a Moscou, onde especialistas do Instituto Central de Pesquisas Científicas das Forças Aéreas da Rússia se ocuparão de extrair os registros do voo.

“A primeira vista, o registrador está em bom estado”, disse à agência de notícias Interfax uma fonte do comando das operações de busca. Segundo ela, a segunda caixa-preta do Tupolev-154 também já foi localizada e deve ser trazida à superfície ainda nesta terça-feira.

O ministro dos Transportes russo, Maxim Sokolov, descartou na segunda-feira a hipótese de atentado terrorista e apontou para o “estado técnico do aparelho ou uma falha de pilotagem” como as duas principais linhas de investigação. A aeronave foi fabricada em 1983 e, há dois anos, foi submetida a uma revisão geral. Desde então, o fabricante não tinha recebido dos proprietários do aparelho pedidos de manutenção técnica nem de consertos.

Operação de busca

A operação de busca deslanchada após a queda do Tupolev-154 envolve mais de 3.500 militares, 39 embarcações, 32 aparelhos aéreos e sete batiscafos (pequeno veículo submarino). Até esta manhã, segundo a Interfax, foram encontrados 13 corpos.

(Com EFE e Estadão Conteúdo)

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. Estado técnico do aparelho, leia-se SUCATÃO.

    Curtir