Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Brasileiro testemunhou ataque: ‘Não fiquei com medo. Sou do Rio’

Ele ainda afirmou que muitos turistas continuaram caminhando na região e tirando fotos no local até que a polícia evacuasse a área

O brasileiro Renato Lincoln Patricio, de 52 anos, testemunhou o ataque terrorista ocorrido nesta quarta-feira em frente ao Parlamento de Londres. Em entrevista à rede americana CNN, ele afirmou: “Estou apenas surpreso. Mas não estou com medo. Sou do Rio”.

Renato contou que estava com sua mulher no local do ataque quando ouviu três disparos. Logo depois, viu um carro se aproximar de um corpo caído no chão. Ainda segundo o brasileiro, muitos turistas continuaram caminhando na região do Parlamento e tirando fotos no local até que a polícia evacuasse a área.

Ataque

Um terrorista, que ainda não teve a identidade revelada, atropelou pedestres nos arredores do Parlamento, desceu do veículo e tentou invadir o local armado com duas facas. Um policial foi esfaqueado e morreu horas depois, e as forças de segurança balearam e mataram o agressor. De três a quatro tiros foram ouvidos e causaram pânico nos arredores.

Outras três pessoas morreram e dezenas ficaram feridas nos arredores da Ponte de Westminster. Uma das vítimas que morreu no local é uma mulher atingida por um ônibus durante a confusão. Entre os feridos estão estudantes universitários que saíam de uma visita ao Parlamento.

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. Petro Mineiro

    ESQUERDOPATAS DE VEJA TEM CORAGEM DE CHAMAR ESSE ATAQUE COVARDE E TERRORISTA DE “INCIDENTE”?????? SEUS FDP´S!!!!!

    Curtir

  2. Francisco Martins

    Também estava lá o “adevogado” de uma pessoa que tem nove dedos …
    Elle também não ficou com medo …

    Curtir

  3. Jorge Dias da Silva

    Pra quem é do Rio de Janeiro, isso aí é fichinha.

    Curtir

  4. Angelo Della Torre

    Infelizmente o Renato tem motivo de sobra para não ter dito medo!

    Curtir

  5. Osmar Serrragem

    Depois um idiot@ desses morre e aí vai reclamar no consulado…

    Curtir

  6. Felix Alberto Macedo

    Osmar Serrragem, se ele morrer cono é que ele vai reclamar no consulado? rss

    Curtir

  7. Ricardo Azedias de Souza

    Entendo esse
    Entendo esse Renato…

    Curtir