Clique e Assine VEJA por R$ 9,90/mês
Continua após publicidade

Brasileiro que tinha sido sequestrado no Equador foi libertado

O Ministério das Relações Exteriores confirmou que recebeu a informação da polícia e diz que continua acompanhando o caso

Por Da Redação Atualizado em 7 Maio 2024, 16h29 - Publicado em 10 jan 2024, 20h43

O brasileiro Thiago Allan Freitas, que havia sido sequestrado no Equador, foi libertado nesta quarta-feira, 10, segundo relatou seu irmão, Eric Lorran, nas redes sociais. “Está solto, está com a família, está indo encontrar eles agora, acabei de falar com ele”, afirmou.

O Ministério das Relações Exteriores afirmou que “as autoridades policiais confirmaram a libertação, em 10/1, de cidadão brasileiro sequestrado no Equador”. Em nota, o Itamaraty disse que “continua a acompanhar o caso e a prestar a assistência ao nacional brasileiro e a seus familiares”.

Thiago Allan Freitas havia sido sequestrado na terça-feira, segundo relatou seu filho, Gustavo, nas redes sociais. O jovem afirmou que a família havia pago uma parte do resgate pedido, mas não conseguia arcar com o restante e pedia ajuda. Freitas é de São Paulo e mora em Guayaquil, onde tem uma empresa de churrasco brasileiro.

Crise de segurança

O Equador vive uma crise de segurança desde a fuga da prisão de um poderoso líder de uma organização criminosa. Desde então houve uma série de ataques, que incluem explosões e sequestros de policiais.

O governo decretou estado de exceção e, na terça, após a invasão de um estúdio de TV por homens armados, o presidente do Equador, Daniel Noboa, atualizou o decreto. Ele anunciou que o país está em “conflito armado interno” contra as facções criminosas. A medida permite que o Exército e a Polícia Nacional entrem de vez no jogo, além de identificar 22 grupos como terroristas e “atores beligerantes não estatais” e determinar que as Forças Armadas “neutralizem os criminosos, respeitando os direitos humanos”.

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 9,90/mês*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 49,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$118,80, equivalente a 9,90/mês.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.