Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Brasil irrita-se com Paraguai por demora em aprovar Venezuela no Mercosul

O assessor internacional da Presidência, Marco Aurélio Garcia, reconheceu nesta quarta-feira que existe um “mal-estar” do Brasil com o Parlamento paraguaio pela demora em aprovar a entrada da Venezuela no Mercosul, assim como para a nomeação de um embaixador no Brasil.

“Há evidentemente um certo mal-estar com a demora na aprovação da entrada da Venezuela no Mercosul”, pendente apenas da aprovação do Parlamento paraguaio, disse Garcia em uma reunião com correspondentes estrangeiros.

“Não é o único mal-estar, temos também um certo mal-estar com o fato de que o Paraguai está há tempos sem embaixador (no Brasil), um tempo que vai além da conta”, completou Garcia, destacando que esses fatos não condizem com as boas relações existentes com o governo do Paraguai.

A embaixada do Paraguai em Brasília explicou à AFP que está há um ano e meio sem embaixador. Garcia disse que a nomeação deve ser aprovada pelo Parlamento paraguaio.

A entrada da Venezuela no Mercosul (Argentina, Brasil, Paraguai e Uruguai) foi aprovado pelos presidentes em 2006 e, posteriormente, por todos os congressos com exceção do Paraguai.

No próximo 20 de novembro a cúpula de chefes de Estado do Mercosul ocorrerá em Montevidéu.