Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês

Bolsonaro confirma viagem à Índia em janeiro de 2020

Presidente Bolsonaro se reuniu nesta quarta com o premiê indiano, Narendra Modi, às margens da cúpula dos Brics

Por Estadão Conteúdo 13 nov 2019, 18h27

Durante reunião bilateral com o primeiro-ministro Narendra Modi, na tarde desta quarta-feira, 13, no Palácio do Planalto, o presidente Jair Bolsonaro confirmou que viajará à Índia em janeiro de 2020. O premiê indiano está no Brasil para participar da 11ª Cúpula dos Brics. O encontro com Bolsonaro durou cerca de 25 minutos.

Bolsonaro se encontrou com Modi a portas fechadas e não houve declaração à imprensa sobre o que foi debatido na reunião.

Mais cedo, Bolsonaro teve encontro o com o presidente da China, Xi Jinping. Brasil e China assinaram acordos em áreas como agronegócio, de investimento, transporte, saúde e cultura. A programação da cúpula vai até esta quinta-feira, 14. Participam ainda do evento o presidente da Rússia, Vladimir Putin, e o presidente da África do Sul, Cyril Ramaphosa.

Estão previstas reuniões bilaterais na quinta-feira, à tarde, de Bolsonaro com Putin e Ramaphosa, no Palácio do Planalto. Os líderes dos países emergentes desembarcaram no Brasil horas após representantes de Juan Guaidó, reconhecido como presidente da Venezuela pelo Brasil, invadirem a embaixada do país em Brasília.

Após mais de 12 horas de ocupação, os simpatizantes de Gauidó deixaram a representação diplomática no fim da tarde desta quarta. A saída foi voluntária e negociada pelo Ministério de Relações Exteriores.

A convulsão social na América do Sul, no entanto, deve ser tratada apenas em encontros bilaterais, pois a discordância entre o Brasil e os demais países do Brics sobre as crises vizinhas deve impedir um posicionamento comum durante a reunião da 11ª cúpula dos países emergentes.

Cúpula

Presidida pelo Brasil, a reunião do Brics tem como lema Crescimento Econômico para um Futuro Inovador. Segundo o Itamaraty, serão discutidos, prioritariamente, temas relacionados à ciência, tecnologia e inovação, economia digital, saúde e combate à corrupção e ao terrorismo. Esta é a segunda vez que Brasília sedia a conferência – a primeira vez foi em 2010. Em 2014, o Brasil também organizou a cúpula, realizada em Fortaleza.

Continua após a publicidade


Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Impressa + Digital

Plano completo de VEJA. Acesso ilimitado aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias 24h e revista digital no app (celular/tablet).

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Receba semanalmente VEJA impressa mais Acesso imediato às edições digitais no App.



a partir de R$ 39,90/mês

MELHOR
OFERTA

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e ter acesso a edição digital no app, para celular e tablet. Edições de Veja liberadas no App de maneira imediata.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)