Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Boko Haram mata 44 pessoas em mesquita na Nigéria

Governo decretou estado de emergência, mas ataques terroristas continuam

Ao menos 44 fiéis morreram em uma mesquita no Nordeste da Nigéria, informaram nesta terça-feira autoridades locais. Segundo a rede BBC, a responsabilidade do ataque foi atribuída pelo governo ao grupo terrorista Boko Haram, que já matou milhares de nigerianos desde 2009.

Leia também:

Leia também: Homens armados matam 27 crianças em ataque a escola na Nigéria

Os criminosos dispararam contra os fiéis durante as orações do nascer do sol no domingo, apesar de a informação só ter sido divulgada na segunda-feira, já que as comunicações foram limitadas no país devido ao estado de emergência decretado pelo governo. A emergência foi decretada para evitar novos ataques, mas o contrário acabou acontecendo, com uma série de relatos sobre a atuação violenta do Boko Haram, que quer derrubar o governo e criar um estado islâmico no norte do país.

O Boko Haram geralmente ataca igrejas, mas às vezes têm como alvo mesquitas também, cujos fiéis discordam de suas crenças. Segundo autoridades locais, os criminosos usavam uniforme militar quando atacaram a mesquita. O ataque aconteceu na cidade de Konduga, a 35 quilômetros da capital, Maiduguri.